Browsing by Subject IMPRESSÃO RÉGIA

Jump to: 0-9 A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
or enter first few letters:  
Showing results 69 to 88 of 183 < previous   next >
PreviewIssue DateTitleAuthor(s)
1823Eu o Imperador Constitucional, e defensor perpetuo do Imperio do Brasil. Faço saber aos que este Alvará virem[...]BRASIL
1808Eu o Principe Regente faço saber aos que este alvará com força de lei virem, que sendo indispensável nas actuaes circunstancias do Estado estabelecer quanto antes nesta Cidade Capital hum Erario [...]BRASIL
1808Eu o Principe Regente faço saber aos que este alvará com força de lei virem, que tendo consideração ao quanto convém nas actuaes circunstancias augmentar as rendas reaes, para com ellas acodir ás urgentes necessidades do Estado; e convindo tambem lançar mão de meios já conhecidos, [...]BRASIL
1810Eu o Principe Regente Faço saber aos que este Alvará virem, Que sendo o principal objecto da Minha Paternal Attenção Promover a Felicidade dos Meus Fieis Vassalos por todos aquelles meios conducentes a obter hum semelhante fim, e que a experiencia tem mostrado [...]BRASIL
1809Eu o Principe Regente Faço saber aos que o presente Alvará com força de Lei virem, que Havendo creado neste Estado o Tribunal da Junta do Commercio, Agricultura, Fabricas, e Navegação, pelo Alvará de tres de Agosto do anno passado, [...]BRASIL
1808Eu o Principe Regente Faço saber aos que o presente Alvará com força de Lei virem, que Tomando em consideração o muito, que interessa o Estado, e o Bem Commum, e particular dos Meus leaes Vassallos em que a Administração da Justiça não tenha embaraços [...]BRASIL
1808Eu o Principe Regente Faço saber aos que o presente Alvará com força de Lei virem, que tornando-se necessario o haver nesta Corte mais Magistrados Criminaes [...]BRASIL
1809Eu o Principe Regente Faço saber aos que o presente Alvará de ampliação, e declaração virem, Que Havendo Eu determinado pelo Alvará de sete de Julho do anno proximo passado, que pagassem dez por cento [...]BRASIL
1808Eu o Principe Regente Faço saber aos que o prezente Alvará com força de Lei virem, que havendo-Me constado em Consulta do Conselho Ultramarino, que o augmento da população, e de riqueza de algumas Villas deste Estado, [...]BRASIL
1809Eu o Principe Regente, como Governador, e Perpetuo Administrador, que Sou do Mestrado, e Cavallaria das Ordens Militares de Nosso Senhor Jesu Christo, S. Bento de Aviz, e S. Tiago da Espada, Faço saber aos que este Alvará virem, que Tendo Consideração ao que Me reprezentou o Escrivão da Minha Real Camara [...]BRASIL
1808Eu o Principe Regente, Faço saber aos que este Alvará virem, Que Havendo dado pelo Alvará do primeiro de Setembro do presente anno as Providencias, que Julguei necessarias [...]BRASIL
1822Exposição dos acontecimentos, que tiverão lugar com o Bacharel João Ferreira Sarmento Pimentel, por occasião de hir tomar posse do lugar de Ouvidor da Comarca de Sabará, que lhe fora conferido por S.A.R. o Principe Regente-
1821Exposição dos motivos, que constituem a Domingos José de Carvalho na necessidade de transportar-se á Cidade de Lisboa-
1833Exposição fiel das perseguições que tem soffrido o Tenente Coronel Pedro Taques de Almeida Alvim, de um partido turbulento que existe na Villa de S. Carlos, Provincia de S. Paulo-
1808Extracto das noticias dos que ultimamente tem praticado o Imperador dos Francezes com a S. Sede Apostolica-
1822Extracto de hum artigo, que se lê no Astro da Lusitania Nº 313, mandado reimprimir á custa de hum Constitucional-
[1821]Fiel, natural e circunstanciada exposição dos acontecimentos da noite de 23 de junho de 1821, pela irregular, e indiscreta reunião do 2º Regimento de Infantaria da Divisão de Voluntários Reaes d'El Rei em seu próprio acantonamento do SeccoCalado, João Crisóstomo, 1780-1857.
1822Francisco Maria Gordilho Velloso de Barbuda, desejando intimamente com o mais justo pondonor o seu desempenho e correspondencia [...]-
1822Glosa a ordem do dia, e manifesto de 14 de janeiro de 1822 do ex-general das armas Jorge de AvillezCairú, José da Silva Lisboa, Visconde de, 1756-1835
1821Graças as luzes do seculo! Graças á nossa sabia Constituição Politica Portugueza, que sanccionou a liberdade da Imprensa [...]Braga, Antonio José da Silva