Autor: Menezes, Adolfo Bezerra de, 1831-1900
Título: A escravidão no Brasil e as medidas que convem tomar para extinguil-a sem damno para a nação
Editor: Rio de Janeiro : Typ. Progresso
Data do documento: 1869
Descrição Física: 20 p.
Resumo: Membro da Academia Real de Medicina e político atuante na Corte, Bezerra de Menezes publicou esse panfleto para requerer do governo imperial medidas legislativas de emancipação dos escravos, uma vez que, um ano antes (1868), ascendera um ministério conservador contrário à reforma. Após condenar o cativeiro sob o prisma moral, defendeu a libertação do ventre e a educação dos nascituros para a vida social e política. Preocupado, sobretudo, com o problema da cidadania, Menezes, que chamou os futuros beneficiados pelo ventre livre de libertos (e não de livres, detentores de mais direitos), considerou que ou o Estado devia prepará-los para a liberdade ou seria melhor restringir dramaticamente seus direitos políticos. Esse panfleto foi elogiado por Cristiano Otoni, na obra A emancipação dos escravos (1871).
Tipo: Folheto
Idioma: Português
Direitos: Domínio público
Palavras-chave: Escravidão - Séc. XIX - Brasil
Escravidão (Aspectos econômicos)
Lei do Ventre Livre (1871) - Brasil
Aparece nas coleções:Livros

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
45000008301_Output.o.pdf7,13 MBAdobe PDFDownload