Autor: Almeida, Romão Elói de (grav.)
Título: Polypodium Barometis (Agnus Scythicus)
Editor: Lisboa : Na Typographia Chalcographica e Litteraria do Arco do Cego
Data do documento: 1801
Descrição Física: 1 grav. : estampa pb.; dimensões da imagem: 2028 x 1284 pixels; 72 dpi (resolução)
Parte de: bbm/5038
Resumo: Esta planta na forma de um cordeiro e coberta por uma pelugem dourada é chamada de Borametz ou cordeiro vegetal da Tartária (Agnus Scythicus), se eleva sobre quatro ou cinco raízes que parecem patas de um animal, quando ela é cortada sai um sulco sangrento. O Autor se refere a ela nas páginas 21 e 22: "Sabe de uma planta púrpura rubente, / Sangue dimana, parecido ao nosso, / Para os que usam talhar Cáspios Mares, / ou rocem do Boristhenes as bocas, / Ou Asia, e Reinos Cólchicos demandem. / Maravilhoso objeto ali se admira; / O Borames assoma; em tronco altivo / Um quadrúpede está, e é fruto dele." [...]
Tipo: Imagem
Autor Secundário: Tipografia Calcográfica, Tipoplástica e Literária do Arco do Cego (imp.)
Idioma: Português
Direitos: Domínio público
Palavras-chave: Iconografia - Séc. XIX
Plantas
Aparece nas coleções:Imagens

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
038935_IMAGEM_002.jpg1,23 MBJPEGThumbnail
Download